Start Outdoor
   
   
  Última atualização   26 de junho de 2019 | 00:48:02
Contato

Conferência Municipal de Saúde reúne gestores, prestadores, profissionais e usuários dos serviços


Incluída em: 12/04/2019 | 13:16


Durante toda esta quinta, 11, discussões relacionadas à saúde, em três eixos: Saúde como direito, Consolidação dos princípios do sistema único de saúde e financiamento adequado e suficiente para o SUS, tomaram um dos salões do Espaço Cultural da Urca, onde foi realizada a XV Conferência Municipal de Saúde. O evento foi aberto por volta de 9 da manhã. “O que acontece aqui hoje é o resultado da luta de muitas décadas, para termos essa liberdade de discutir políticas públicas, com a participação de todos os envolvidos. A estrutura de saúde de Poços é invejada pelas cidades da região e até por cidades de outras regiões do Brasil”, disse Ana Paula Campos, presidente do Conselho Municipal de Saúde.

O secretário de Saúde Carlos Mosconi ressaltou a importância do envolvimento de todos nas ações que antecedem a tomada de decisões. “O SUS pertence à população que vem cada vez mais, entendendo isso, participando ativamente e cada vez mais das decisões, reivindicando e cobrando as melhorias. É evidente que há muito o que fazer, o que melhorar e nós temos muita disposição para isso”.

O prefeito Sérgio Azevedo reafirmou seu compromisso de manter a saúde como prioridade. “Poços de Caldas é uma das poucas cidades que, em meio a essa crise, não cortou nada da saúde, porque todos os nossos serviços estão funcionando. Temos como secretário o doutor Mosconi, um dos responsáveis pela criação do SUS no Brasil. Aproveito para agradecer o trabalho dele e do Flávio, ambos, essenciais para a Secretaria de Saúde, assim como todos os servidores. Como gestor público, assumo o compromisso de buscar viabilizar a realização do que puder ser feito, dentro das discussões deste dia”. Também estiveram presentes na cerimônia de abertura: o vice-prefeito e secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Flávio Faria, o secretário adjunto de Saúde, Flávio Togni de Lima e Silva, os vereadores: Álvaro Cagnani e Lucas Arruda, além de demais secretários, membros do Conselho Municipal de Saúde, representantes de prestadores de serviço em saúde e servidores públicos municipais.

Após a cerimônia de abertura, o vice-presidente do Conselho Estadual de Saúde de Minas Gerais, Ederson Alves da Silva, fez uma palestra que abordou o tema da Conferência: Democracia e Saúde: Saúde como Direito e Consolidação e Financiamento do SUS. “É fundamental trazer esse resgate da importância do Sistema Único de Saúde, que precisa ser valorizado pelas gestões, pelos servidores e pela população. O trabalho deve ser em defesa do SUS e de um sistema público de saúde de qualidade”. Na sequência, os participantes se dividiram para grupos de trabalho. No final da tarde, as propostas para cada eixo foram apresentadas e aprovadas por aclamação.

A XV Conferência Municipal de Saúde é a etapa local da XVI Conferência Nacional que será realizada em Brasília, DF, de 4 a 7 de agosto. Mas antes disso, ocorre a etapa estadual, em Belo Horizonte. Ao final da Conferência em Poços, foram escolhidos os delegados para a Estadual, sendo: seis representantes de usuários do SUS, três representantes de trabalhadores do SUS e três representantes da gestão e dos prestadores de serviços em saúde.

A Conferência Municipal de Saúde foi uma realização do Conselho Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e a Prefeitura.

ACS/Prefeitura de Poços de Caldas
 

Pocos-Net 2017 4 Pocos-Net 2017 5 2 - Anuncie Aqui



ENQUETE

Sites Poços - Net | Anuncie | Central de Denúncias | Trabalhe na Rede Sulmineira de Provedores Ltda. | Política de Privacidade
© Copyright 1996-2013, Grupo Poços-Net - Todos os direitos reservados